Início > Uncategorized > Um filme sobre amizade, amor e perdas, em destinos que se entrelaçam

Um filme sobre amizade, amor e perdas, em destinos que se entrelaçam


Confesso que fui assistir “One Day” (“Um dia”) sem grandes expectativas, afinal, o filme fora pouco comentado pelos críticos e teve pouca mídia a favor. Que maravilhoso equívoco. Baseado no best-seller do mesmo nome, de autoria de  David Nicholls – e lançado no Brasil pela editora Intrínseca -, “One Day” é um filme que supera qualquer previsão e mostra-se um capaz de tocar fundo nas pessoas e passar lições de vida e ensinamentos. Emma Morley (Anne Hathaway) e Dexter Mayhew (Jim Sturgess) são colegas de faculdade e se formam no dia 15 de julho de 1988, na Escócia. Nessa data, passam a noite juntos, mas nada acontece e os dois prometem ser amigos para sempre. A partir daí, a data de 15 de julho será sempre emblemática e significativa na vida dos dois. Suas trajetórias serão tangenciadas por esse relacionamento sincero e duradouro, mas também turbulento, à medida que o objetivo de vida dos dois vai se afastando. Enquanto Emma esconde sua admiração (muito mais que amizade) por Dexter, este pensa apenas em se divertir – embora no fundo também saiba que Emma representa mais do que uma simples amizade para ele.

Vinte anos se passam. Lágrimas, risadas, sofrimentos, alegrias… seus destinos se entrecruzam sempre, mesmo que a vida insista em separá-los. Cada 15 de julho, ano após ano, é mostrado, tendo como cenários Londres e Paris. A trilha sonora do filme acompanha os anos que se passam, sempre com músicas da época. Quem tem mais de 30 anos irá se deliciar com as canções, principalmente as do final dos anos 1980 e início dos anos 1990. Músicas instrumentais e contemporâneas se entrelaçam, tal qual o destino dos dois amigos.

“One Day”, que é dirigido por Lone Scherfig, é um filme sobre amor, perdas e amizade – que trocam de lugar a todo o instante, durante a exibição. Mostra como as pessoas, por mais diferentes que possam ser, encaram sentimentos ao mesmo tempo tão distintos e tão próximos. Mostra carinho, admiração e o companheirismo que sempre está junto de quem se gosta. Que aquilo que realmente muitas vezes buscamos na vida, está na nossa frente e não queremos ver. E comprova que Anne Hathaway está cada vez mais amadurecida como atriz.

Recomendo muito assistir o filme, que coloco entre os cinco melhores que vi esse ano. Mas aqueles que forem assistir,  levem pelo menos duas caixas de lencinhos, pois o final é inesperado, emociona bastante e é bom estar preparado para sair do cinema com os olhos vermelhos.  :o)

A mensagem final do filme deve servir como aprendizado:

“Não importa o que acontecerá Amanhã, pois sempre devemos nos lembrar do Hoje.”

VEJAM O TRAILER OFICIAL DO FILME:

Anúncios
Categorias:Uncategorized
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: